A bondade de vegetais de folhas verdes escuras!

Quando criança, minha mãe sempre me dizia que vegetais de folhas verdes são muito bons para a saúde. Eu era uma criança obediente e, na verdade, simplesmente amei os diferentes tipos de receitas preparadas por minha mãe (quase todos nós gostamos), incluindo os vegetais de folhas verdes escuras.
 
 Somente quando estudei sobre a miragem de nutrientes presentes nesses vegetais é que percebi o quanto nossas mães e avós estavam aptas, apesar de não ter o Google por perto ou um nutricionista facilmente disponível para explicá-los sobre isso. (Estou falando do início dos anos 90 aqui).
 
 Ok, agora sobre alguns fatos relacionados aos DGLVs ricos em nutrientes (vegetais folhosos verde-escuros)
 
 Vegetais de folhas verde-escuras são excelentes fontes de fibras, folato e carotenóides.
 Também são boas fontes de muitos antioxidantes (como vitaminas A, C e K e minerais como ferro e cálcio). Eles também são ótimas fontes de fibra. Pesquisas sugerem que os nutrientes encontrados nos vegetais folhosos verde-escuros podem prevenir certos tipos de câncer e promover a saúde do coração, além de terem demonstrado propriedades antienvelhecimento. Isso ocorre devido à presença de antioxidantes, como vitamina A (na forma de b-carotenos), C, tocoferóis (vitamina E), polifenóis. O zinco e a vitamina C ajudam na cicatrização de feridas e também ajudam a melhorar a imunidade. O complexo de vitamina B tem uma variedade de papéis a desempenhar em vários processos de digestão, geração de energia etc. A vitamina C e A também ajudam a manter a saúde da pele. Eles também contêm ferro e cálcio, que são minerais importantes e têm uma série de funções, sendo a principal a promoção da saúde óssea e muscular e a manutenção da hemoglobina, glóbulos vermelhos etc.
O folato tem um papel a desempenhar na prevenção de defeitos do tubo neural no feto e é uma parte importante dos cuidados nutricionais pré-natais, ou seja, nutrientes importantes, especialmente durante a gravidez.
Como os vegetais folhosos têm poucas calorias, eles também são uma ótima opção para quem está observando seus pesos!
Os especialistas recomendam que os adultos comam pelo menos cerca de 3 porções de vegetais todos os dias.

Exemplos de alguns vegetais folhosos verdes escuros comuns e os nutrientes importantes que eles contêm:

Espinafre: O espinafre é rico em nutrientes como vitamina K, carotenóides, manganês, folato, magnésio, ferro, cobre, vitamina B2, vitamina B6, vitamina B6, vitamina E, cálcio, potássio e vitamina C. É também uma fonte muito boa de dieta fibra, fósforo, vitamina B1, zinco e colina.

Folha de água: Contém muita água, como o nome sugere e, portanto, baixa caloria. Também contém vitamina C, ferro, cálcio, zinco, algumas vitaminas do complexo B, como niacina, tiamina.

Couve: É rica em vitamina C e contém menos quantidades de substâncias anti-nutricionais responsáveis ​​pela absorção reduzida de nutrientes em nosso corpo. Também contém polifenóis e caroteno B, que são potentes antioxidantes.

Salsa: É uma fonte muito boa de vitamina K e vitamina C.

Coentro: Tem um sabor agradável, parece muito com as folhas de salsa. Também possui uma grande quantidade de vitamina C, vitamina K.

Talos de cebolinha: Eles contêm boa quantidade de vitamina C, cálcio, fibras alimentares e vitaminas A e B6, tiamina, folato e minerais como potássio, cobre, cromo, manganês e ferro.

Existem muitas outras variedades de DGLVs disponíveis local e sazonalmente que devemos experimentar e incluir em nossas dietas diariamente ou com a maior frequência possível.

Armazenamento de DGLVs
Vegetais de folhas verde-escuras devem ser armazenados em local seco, em temperatura ambiente normal. Deve ser cozido ou consumido fresco o mais cedo possível, uma vez comprado no mercado.
 A umidade estraga sua frescura.
 
 Cozimento de DGLVs
 É sabido que vitaminas como a vitamina C podem ser facilmente destruídas pela luz e pelo calor. Portanto, é recomendável cozinhar os DGLVs em calor mínimo ou comê-los frescos e crus. Eles têm um sabor muito fresco e crocante em forma de salada.

Referências:

http://www2.ca.uky.edu/agcomm/pubs/fcs3/fcs3567/fcs3567.pdf

https://globalfoodbook.com/15-worthy-benefits-of-waterleaf-talinum-triangulare

https://www.food.actapol.net/pub/3_3_2012.pdf